Premiação Casa Cor Paraná 2014

Confira os projetos premiados dessa edição do evento

Faltando poucos dias para a Casa Cor Paraná 2014 chegar ao fim, no dia 5 de outubro, os ambientes que mais chamaram a atenção durante o evento já foram premiados de acordo com suas características particulares. Confira alguns dos espaços que levaram o troféu para casa no último dia 28 de setembro. 

Projeto Mais Sofisticado

  

Janaina Macedo recebeu o troféu das mãos da diretora da Casa Cor Paraná, Marina Nessi. Foto: Valterci Santos

Com foco na exaltação da cultura brasileira em seu primeiro ambiente na Casa Cor Paraná, a engenheira Janaina Macedo chamou atenção do público, de especialistas e da mídia com a Sala Brasileríssima. De forma elegante,a profissional trouxe as excelências brasileiras para seu ambiente, que encantou os jurados deste ano. “Foi um momento muito emocionante. É a primeira vez que participo da Mostra, então a pressão para que saia tudo perfeito e a expectativa de agradar o público são grandes. Quando anunciaram o prêmio, me senti realizada”, declarou ela.

As belezas brasileiras podem ser observadas nos tecidos, como o couro e a renda, e também no paisagismo, com plantas nativas e um enorme aquário de peixes amazônicos. A arte nacional tem destaque com telas originais de Portinari, Di Cavalcanti e Poty, além de uma parede assinada pelo artista paranaense Eleutherio Netto, com fotos e arte indígena. Tudo tem um porque brasileiro de estar onde está.

Projeto Mais Sustentável

Jane Rocha posa em seu ambiente, que levou o prêmio de Projeto Mais Sustentável. Foto: José Paiva

A designer de interiores Jane Rocha foi premiada com o projeto mais sustentável da Casa Cor Paraná 2014 por seu ambiente “Empório Orgânico”. Com 18,50 m², o espaço desenvolvido para o Spa Lapinha, desde sua execução, buscou soluções para minimizar o impacto ambiental, além de utilizar materiais predominantemente reutilizáveis e de fontes renováveis, como tábuas de pinus de reflorestamento, MDF de fontes renováveis certificadas e lâmpadas em LED. 

Outros destaques do ambiente são as luminárias feitas com cabides e aros de bicicleta e a base de uma das mesas, composta pelo ferro fundido que pertenceu aos clássicos postes de iluminação no centro de Curitiba nos anos 50 e 60.

Destaque da Mostra

Marcelo Lopes segura o seu troféu de Destaque da Mostra.

O arquiteto Marcelo Lopes, responsável pelo espaço Toilette Social Masculino, recebeuo prêmio destaque da mostra, pela originalidade do seu ambiente, onde predominou o tom escuro, que o deixou extremamente sóbrio e masculino. 

“Compus meu espaço propondo conceitos diferentes e exóticos para um banheiro, e foi bom saber que eles foram bem recebidos”, afirmou Lopes, que sempre procura manter esta essência inovadora e olhar sofisticado em seus projetos, unindo o que existe de melhor em tecnologia em projetos arquitetônicos e de interiores.

Organização Nota 10

Denise Leal Ribas e Carolina Leal Ribas, responsáveis pela Casa Container, foram premiadas com o prêmio Organização Nota 10.

As arquitetas Denise Leal Ribas e Carolina Leal Ribas, responsáveis pelo projeto Casa Container, receberamo prêmio Organização Nota 10 da Casa Cor Paraná. Com proposta inovadora e criativa, o projeto, criado em parceria com a Total Storage Brasil, foi desenvolvido com o objetivo de apresentar soluções construtivas e arquitetônicas ecológicas, visando o conforto e o bom design. 

A Casa Container tem 90m² e conta com ambientes integrados, amplos e versáteis. Além de se encaixar perfeitamente em qualquer contexto, terreno e condições climáticas, o custo é reduzido em até 40%.

Espaço Mais Criativo

Os arquitetos Giovana Kimak e André Largura, no ambiente “Lugar de Criança”. Foto: Daniel Sorrentino

O ambiente “Lugar de Criança”, dos arquitetos Giovana Kimak e André Largura, recebeu o prêmio Espaço mais Criativo. Apresentando um cenário novo, inexplorado e conceitual, no espaço as regras convencionais são abolidas, colocando em evidencia a flexibilidade e a mobilidade na busca por novas experiências.

Durante toda a mostra, o ambiente tem sido palco de apresentações, onde conceituados profissionais ministram oficinas aos fins de semana, promovidas pela Livraria Navegadores. Artes visuais, gastronomia, design e moda são alguns dos temas.

Melhor Projeto de Uso Público

Profissionais da Bender Arquitetura também estão entre os premiados dessa edição. Foto: GraciAssolari

Em sua 12ª participação na Casa Cor Paraná, os arquitetos Karla e Filipe Bender receberam o prêmio de Melhor Projeto de Uso Público pelo ambiente “Lounge de Eventos Masisa”. O espaço, assinado por mãe e filho, foi escolhido pelos profissionais participantes da mostra como o que mais atende às necessidades do público. 

Reunindo homenagem ao colunista Dino Almeida e diversas referências nacionais e internacionais, o lounge foi um dos grandes destaques da 21ª edição da Casa Cor Paraná.