LOFT PARA A MULHER

Arquiteta Mariana Pesca cria funcionalidade em apenas 35 metros quadrados

Espaço não é problema, para a arquiteta Mariana Pesca. É solução. Em tempos de concentrar o tempo da vida no que realmente importa - e a metragem tem tudo a ver com isso - a profissional prova que a rotina não exige grandes espaços. No loft montado para a mostra 10x10 Bellacatarina, que encerra no dia 30 de novembro, em Florianópolis, Mariana planejou um loft completo para uma jovem executiva, não desperdiçando os 35 metros quadrados à disposição.

 
 
 

O projeto contempla um living com pé direito duplo, seguido de um espaço gourmet. Na bancada de operação o espaço foi resolvido com a utilização de mobiliário solto. Uma mesa de jantar convencional com altura confortável - 2,00x1,10 - para uso com cadeira dá base a uma bancada de corian, desenvolvida pela Infinita Surfaces, apenas 15 cm mais alta, altura ergonômica ideal para o trabalho. "Nesse módulo conseguimos ter a cuba com calha equipada com escorredor de louças e ainda um cooktop dominó de duas bocas. O material sobe na parede ao lado com o intuito de protegê-la e proporciona duas prateleiras que auxiliam com os suprimentos essenciais".

A escolha pelo corian foi pela característica homogênea e a possibilidade de criação do material. "Todas as bancadas executadas com o corian não ficam com aquele aspecto frio como de uma pedra. Por isso, na minha opinião, entra super bem em ambientes sociais também. O fato de conseguir desenvolver todos acessórios no mesmo material, diminui o número de informações e deixa o projeto mais elegante", destaca a arquiteta. 

 

A cama, bem feminina, traz uma linguagem atual do dossel. E ainda um "naked" closet que toda mulher quer e merece", explica a arquiteta.

 

O banheiro ganhou uma coluna de banho cheia de jatos de hidromassagem relaxantes no lugar do chuveiro e um cantinho super prático para a pia, tudo integrado.

 Fotos Mariana Boro